24 de out de 2014

ELEIÇÃO E CIDADANIA

BICICLETADA 2014

Juninho Brás, Alysson Gago (com filho) e Junior Caju
Nesta quinta-feira (23), a atração da noite em Poço Branco foi o evento denominado “Bicicletada do 55”, tradição iniciada há dois anos com as eleições municipais de 2012. Segundo os organizadores, a bicicletada superou todas as expectativas de público. Além das tradicionais bicicletas, várias motos e automóveis também participaram do evento, assim como diversas caravanas dos distritos.


Como tem sido tradição, o evento foi encerrado na Praça do Sagrado Coração de Jesus, em frente à Igreja do Sagrado Coração de Jesus, padroeiro do município. Na ocasião, o prefeito Maurício Menezes agradeceu ao Sagrado Coração de Jesus por mais uma movimentação política em paz e democrática. Ele ainda reforçou seu pedido aos participantes para votar, neste domingo (26), em Robinson Faria (nº 55) para Governador do RN e na reeleição da presidenta Dilma Rousseff (nº 13).


Maurício Menezes relembrou as dificuldades pelas quais passou e passa o município de Poço Branco por não contar com o apoio de um Governador aliado e que apoiasse as ações da Prefeitura Municipal. Lembrou que os políticos locais de oposição (aliados da Governadora Rosalba) só dificultaram a realização das festas e eventos tradicionais do município e a assinatura de convênios com o Estado. “De 2011 para cá, quase tudo que conseguimos para a cidade foi através de convênios federais, mas com Robinson Faria (55) no Governo do Estado, com apoio dos nossos deputados, Poço Branco terá as portas da Governadoria e de várias Secretarias Estaduais abertas para realizar parcerias e convênios essenciais e importantes para o município... E com a presidente Dilma como aliada, com a ajuda da nossa Senadora Fátima Bezerra, Poço Branco pode avançar e realizar muito mais... Não podemos desprezar essa chance, pensem nisso no domingo”, finalizou o prefeito.

Confira outras fotos do evento.

Todo mundo é 55 e 13
Todo mundo é 55 e 13
Todo mundo é 55 e 13
Todo mundo é 55 e 13
Todo mundo é 55 e 13
Todo mundo é 55 e 13
ESPAÇO DO LEITOR

UM CONVITE À REFLEXÃO

Caros amigos, gostaria de chamar sua atenção para o futuro do nosso país. A nossa Nação ainda apresenta sinais de contrastes, desigualdades sociais, perseguições, intolerâncias, racismo entre outras coisas. Tudo isso é herança cultural trazidas pelos colonizadores europeus que mudaram tanto a geografia quanto os costumes, modo de viver e até a língua nativa do povo brasileiro, desde 514 anos atrás. Esse sistema pode ser evidenciado hoje por um grupo político chamado “tucanos”. Eles governaram por vinte anos e durante esse tempo a nossa gente, principalmente a classe “pobre”, foi esquecida, especificamente a população nordestina.

Nesse período, sofremos algumas mazelas tais como: falta de oportunidades, desemprego, acesso negado a créditos bancários, universidades sucateadas, déficit de moradia, saúde precária, baixos salários, inflação alta, dívida externa, alto índice de analfabetismo, etc. Nessas duas décadas um presidente chamado Fernando Henrique, embora sendo sociólogo, reformulou o Fator Previdenciário que assegurava ao trabalhador sua aposentadoria após trinta anos de contribuição, independente de sua idade.

Hoje, quem se aposentar, além de trinta anos de trabalho, a mulher precisa ter 60 anos de idade e o homem 65 anos, dependendo da profissão. O pior é que muitos trabalhadores perdem parte de seus benefícios. Como exemplo, podemos citar a situação do professor da esfera municipal do município de Poço Branco, onde quem se aposenta com 30 anos de sala-de-aula, e com 60 de idade, ganhando R$ 2.500,00 (nível magistério), passará a ganhar R$ 800,00. “Coitados, não dá pra comprar os remédios e a feira”. Isso é um fato muito grave.

Já em doze anos, o PT (Partido dos Trabalhadores) mudou tudo isso expressivamente. Observem os avanços a partir da gestão do presidente Lula: pagou a dívida externa, regularizou o aumento do salário mínimo, favoreceu a geração de emprego e renda, criou programas sociais contemplando moradias, crédito e juros baixos em bancos e comércios, estimulou a qualificação profissional, criou cursos técnicos, investiu na saúde e educação, reestruturando o Ensino Básico e também o Ensino Superior, criou o maior programa do mundo de transferência de renda (o Bolsa Família).

Após 500 anos de história, marcados pelo desequilíbrio econômico e social, o Brasil sai do mapa da fome segundo a (ONU) Organização das Nações Unidas, resultado de um trabalho voltado para o povo, para as necessidades da nossa gente. Agora, vem um “playboy” com o nome de Aécio dizendo que tem um plano de governo. Cuidado! O plano dele é promessa e ”quem vive de promessa é santo”. Olha quem o apoia: atriz, ator, cantor, jogador de futebol, Globo. Dilma tem plano de governo executado, só precisa ampliar. É um plano de governo que chega à casa de todos os brasileiros, especialmente das classes menos favorecidas. Este projeto de desenvolvimento solidário e igualitário precisa do nosso apoio.

Essa nota não é para alienar você, só precisamos comparar e compartilhar a melhor proposta. Assim, vamos votar “55-Robinson” para Governador e “13-Dilma” para Presidente.

Professor Paulo Epaminondas de Morais.

2 comentários:

Roberto ..santos SP.. disse...

quero parabenizar ao professor Neném do Sr Paulo ,,pelo belíssimo texto,,,, estou em SP ,,,e aqui a turma eh Aécio com força ,,mas sei o valor que o partido dos trabalhadores nesses doze anos fizeram para a nossa terra querida o "NORDESTE" ..votei 13 e votarei novamente ,,,agora nós aqui estamos incomodando a eles ..." os BURGUES"""

Anônimo disse...

EU JÁ SABIA