29 de jul de 2013

EMANCIPAÇÃO POLÍTICA

POÇO BRANCO - 50 ANOS DE HISTÓRIA
 

A festa dos 50 anos de Emancipação Política de Poço Branco (2013) levou a sua população como tema principal: “o resgate de sua história como o alicerce para transformar o município em um dos mais desenvolvidos da região”. Para se ter uma idéia, em apenas 50 anos de existência, Poço Branco possui população e outros indicadores sociais e econômicos superiores aos dois municípios que lhe deram origem: Taipu e Bento Fernandes.
 

Durante as comemorações que iniciaram desde o último dia 20, o desporto e as manifestações cívicas, religiosas e sociais deram o tom principal da festa que foi encerrada na noite deste sábado (27), com as apresentações do artista Dorgival Dantas e da Banda de Forró “A Rapaziada”. Mais uma vez, a população do município e de outras cidades compareceu em massa para prestigiar o evento que, além de organizado, ganhou status de um dos mais seguros – considerando a quantidade do público envolvido ainda não divulgado oficialmente.
 
Dep. Gesane Marinho, Robinson Faria, prefeito Maurício e familiares de Cícero Luiz
A festa também foi momento do município receber novos serviços através das inaugurações do calçamento da Avenida Santa Luzia, do Centro de Atenção Básica e da obra mais esperada pela população depois do Hospital Manoel Targino Sobrinho: o estádio de futebol Cícero Luiz da Silva – obra iniciada algumas vezes, porém jamais concluída. Além dos jogos inaugurais no futebol de campo, foram realizadas, na sexta-feira (26), outras sete competições oficiais, envolvendo mais de 500 competidores e cujas participações priorizaram, exclusivamente, os cidadãos nascidos e/ou domiciliados atualmente no município.
 

A festa também foi momento da população poço-branquense perceber a prestação de contas dos quatro anos e meio da atual administração municipal - retratada em vários banners durante o desfile cívico. O ponto alto do tradicional desfile foram as homenagens prestadas a 50 poço-branquenses vivos (e outros já falecidos) pelos relevantes serviços prestados à comunidade ao longo dos últimos 50 anos e também no período anterior a emancipação.
 
Banda de Música da Polícia Militar do RN
Considerado um dos poucos municípios potiguares a manter a tradição da alvorada, queima de fogos, missa e do desfile cívico, Poço Branco não apenas resgata sua história, como também valoriza seus cidadãos por suas ações (coletivas e individuais) em prol do desenvolvimento da cidade e de seus distritos. O desfile cívico de 2013, realizado pela Avenida Manoel Rodrigues da Silva, mostrou ainda a diversidade cultural, a representatividade das escolas do município, os programas sociais, diversas realizações da prefeitura - como sua frota própria de veículos/máquinas, além dos costumes e da cultura do município.
 
Belchior ao lado da velha guarda da Educação de Poço Branco
O engenheiro/professor Belchior de Oliveira Rocha, Reitor Geral do IFRN, estava entre os poço-branquenses homenageados nas festividades deste sábado (27). Belchior mostrou-se bastante feliz com a homenagem e foi um dos mais festejados durante o evento. Na oportunidade ele pode reencontrar conterrâneos, ex-professoras e amigos de sua infância/adolescência. O professor, que encontrou espaço em sua extensa agenda de compromissos oficiais, atendeu o convite da secretária de Educação, Dorinha Menezes, e abrilhantou ainda mais a festa de 50 anos de Poço Branco.
 
Confira a galeria de fotos da festa clicando aqui ou acessando a guia “50 ANOS”.

5 comentários:

Anônimo disse...

BRAVO!! POÇO BRANCO.
TI AMO TERRA QUERIDA.

Anônimo disse...

Bom saber que pessoas ainda sao homenageadas pelo que fizerao por uma cidade. Valeu poco branco por dar valor a seu povo.

Anônimo disse...

PARABENS A DORINHA E SUA EQUIPE PELA FESTA COMO SEMPRE DANDO UM SHOW. GOSTEI DE VER A FESTA QUE NAO TEVE NO ANO PASSADO E FEIZ FALTA.

Novo disse...

E aimda diziao que mauricio nao ia mais fazer nada depois que ganhace de novo. Oi ai o homi trabaiando..

Anônimo disse...

povo que escreve ruim.nossa só deus........vamos pra escola kkkkkkkk