8 de set de 2011

POLÍTICA LOCAL

O JOGO DOS OITO ERROS

1. O destino das eleições de 2012 passará, obrigatoriamente, pela escolha dos candidatos a vice-prefeito? Resposta: tudo leva a crer que sim... Apesar dos discursos de que “a escolha de um nome não abalará o resto da chapa”, sabe-se que o ego de velhas e novas raposas políticas pode ficar bastante ferido – no caso de se sentirem desprestigiadas (especialmente aquelas que detém o controle do diretório municipal de um partido). Diz-se que, para quem defende a formação da “terceira força”, esta é uma situação bastante aguardada. Será?

2. A família Cândido, tradicional agremiação política local, ainda não se pronunciou oficialmente sobre quais nomes indicará para disputar um ou mais assentos no Palácio José Francisco de Souza. Embora não confirmem, internamente existem três ou quatro nomes se apresentando para o aval familiar - mas se comenta que apenas dois disputarão a eleição proporcional. A família também poderá indicar um nome para vice-prefeito da oposição. Ou até da situação. Será?

3. O vereador Edinho continua aparecendo positivamente nas rodas de conversas - quando o assunto é a sucessão do prefeito Maurício Menezes. Já não é de hoje que a popularidade do vereador o coloca em posição de destaque – especialmente diante do eleitorado jovem. Nas chamadas “pesquisas espontâneas de opinião”, inclusive nas de cunho digital, o nome do jovem vereador figura entre os cinco mais citados. Por esta razão, há quem diga que Edinho poderá ser “nome consensual” na escolha da vaga de vice-prefeito – “seja no amarelo ou no vermelho”. No entanto, o vereador garante que sua única meta política para 2012 é a reeleição. Será?

4. O ex-prefeito Roberto Lucas está morto politicamente? Quem pensar assim está redondamente engando... Fingir-se de abatido e descartado sempre foi o estilo (ou a estratégia) de Roberto. Ninguém pode dizer que o ex-prefeito tenha sido um Romário dentro dos campos de futebol ou nas quadras. Mas, por ser um dos mais vitoriosos políticos locais, não seria exagero o chamar de “Pelé das urnas”. Se chegar a 2012 sem impedimentos eleitorais, Roberto poderá ser o fiel da balança em qualquer composição política. É como ele sempre diz: “só entro no jogo pra ganhar”. Será?

5. Em todo período de pré-eleição municipal os holofotes sempre se voltam para os possíveis candidatos a prefeito e quase não se comenta sobre a disputa da Câmara de Vereadores. O que se fala nas ruas, atualmente, tem o mesmo teor de eleições anteriores: “é preciso mudar as cadeiras”, é o que mais se ouve. Na teoria, a história política do município mostra que, apenas em 1976, a câmara não renovou a maioria de seus membros. De lá pra cá, a renovação tem sido uma constante nas eleições proporcionais – embora, na prática, esta renovação não venha convencendo a maioria do eleitorado. Mesmo assim, é provável que, se forem candidatos, quase todos os atuais vereadores se reelejam. Será?

6. O professor Sérgio Freitas não quer nem saber de entrar na política. Mesmo tendo respaldo público e até de alguns clãs da política local, Sérgio Freitas confidenciou ao Blog que se sente melhor estando apenas próximo do poder, de forma indireta, sem participar ativamente deste mundo e sem ter ambição alguma por ele. Será?

7. Se há quem não queira, há também os que já estão em campo trabalhando para conseguir se eleger em 2012. Em 2004, 54 candidatos disputaram as nove cadeiras da câmara e, em 2008, esta procura baixou para 39. Alguns nomes, entre novatos e veteranos no assunto, já entraram na “briga” há algum tempo e desfilam pelas ruas da cidade se apresentando como tal. Para o ano que vem, é provável que a disputa aumente - pelo menos, numericamente falando. Isso porque as chances de uma terceira chapa já não são tão remotas como se pensava. Será?

8. Nem fulano, nem beltrano e nem cicrano. Nenhum dos três rompeu com o grupo político que apoiou em 2008. Será mesmo que não? Isso é o que não dizem “As filhas de Caindinha” (aquelas ou aqueles que vivem com a boca no mundo, espalhando factoides e semeando discórdias). Tudo não passa de boataria barata e estratégia para criar fatos novos. Pelo sim, pelo não, fica a pergunta: Será?

6 comentários:

Anônimo disse...

Daniel,
O mais curioso e que você deve ter esquecido de comentar, é que o prefeito permanece sozinho, isolado...
Quando você comentou o resultado da eleição de 2010, voce disse que se o grupo de Mauricio rachasse, provavelmente nao faria seu sucessor em 2012. O grupo rachou, e agora seus comentários já são outros.
A verdade, que falta ser dita aqui, é que Mauricio está sozinho por falta de habilidade de dialogo dele. Não estou dizendo que ele é mal politico, ou que ele rouba... a questão não é essa, mas se ele tratasse seus aliados de uma forma melhor, prestigiassem quem lhe confiou, talves hoje, sua situação seria mais confortável... tá dificil ele ganhar essa eleição... tá dificil mesmo, como prefeito ele foi muito bruto, maltratou demais o nosso povo!

DANIEL TARGINO disse...

Considerar que:

1) A exemplo do leitor Flávio Vinícius, "leitor identificado, comentário aprovado";

2) Atentar para o significado gramatical dos títulos e dos textos, assim como das classes e contextos gramaticais;

3) Quando o tema versado for "política", nenhum comentário pode ser definitivo. Cada momento tem um significado particular, que pode não valer mais amanhã ou depois;

4) O tema do texto acima é "o jogo dos oito erros" e não "dos sete".

Agradecemos a atenção e a compreensão de todos(as).

NIVALDO disse...

Daniel li um comemtario em seu blogue em qui um leitor chamou seu blogue de babão do prefeito. Naum sei porque voce deixou esse comemtario no ar. Agora vou lhe pergunta o que podemos dizer de outros blogues qui apreceram em poço branco , so por causa da politica e qui vao se acabar depois e o seu vai fikar. Se voce é babao do prefeito nau sei ,mais numca você escreveu um texto dizemdo qui mauricio é o melhor pra poço branco. nunca li você dizer isso. Só vejo voce divulgar umas coisa da prefeitura. Não vejo você vivemdo na casa do prefeito nem andando com ele, mais outros blogeiros daqui vivem andando atraisz dos canidatos a prefeito e vivem escreveno nos blogues qui o melhor é os caindatos deles. Esses caras não são babão não?????? Só é babão queim baba o prefeito?? E queim baba Waldemar e roberto e nilse???? É o quê??????

Flávio Vínícius disse...

Não Entendi. Porque fui citado ?

Não Precisa Publicar. Só Responde Tá ?

mateus cavalcanti disse...

Amigo daniel, tem um blogue aqui que ta dizendo que a prefeitura de poço branco tem muito dinheiro e que o estado do Rn tá quebrado. O blogeiro diz que a rosa não ta pagando o planos de carreira dos funcionário do estado porque não tem dinheiro e que o prefeito de poço branco não paga o plano da saúde porque não quer pois a prefeitura de poço branco tem muito dinheiro sobrando. Agora vamo ler o que diz a matéria de um blogue de joao câmara (http://www.politicasepoliticos.com.br/ler.php?idnot=519) e o de uma jornalista da tribuna do norte (http://blog.tribunadonorte.com.br/panoramapolitico/fpm-reduz-26-em-setembro-e-38-municipios-do-rn-ficam-com-saldo-zero/63565). Agora veja daniel como as pessoa que querem enganar o povo de poço branco engole as própria palavras. A prefeitura e o governo do Rn tem dinheiro soabando sim mais é pra bancar a reeleição do prefeito e da governadora. Só isso quero dizer a esses babao que naum conhece as lei.....

DANIEL TARGINO disse...

Flávio,

Eu quis dizer que, como você se identifica, seus comentários não têm por que não serem aprovados. Apesar de não lhe conhecer pessoalmente, sei que você existe e não é nenhum "FAKE" ou coisa do tipo.

Portanto, você é de maior e se responsabiliza pelo que diz. Quanto a responder alguma coisa, você precisa entender que eu não tenho as respostas pra tudo. Não sei de tudo e não sou o dono da verdade, concorda?

Apenas alguns leitores se identificam corretamente. Seria muito bom que as pessoas assumissem suas opinões de peito aberto, sem se esconder nem ter qualquer medo. Mas, infelizmente, cada um tem seus motivos e nós respeitamos isso.

Só sugerimos que os comentários sejam moderados e respeitosos (mesmo quando criticam ou ofendem) para que ninguém possa ter que responder judicialmente pelo que disse e não pode provar.

Sugerimos, ainda, que as acusações de natureza penal, criminal ou administrativa (contra pessoas físicas ou jurídicas) devem ser encaminhadas aos órgãos competentes e não a este espaço.

Por estas razões, os comentários anônimos que façam "graves" acusações, ameaças ou faltem com respeito a este espaço, as pessoas que o fazem ou às famílias em geral NÃO SERÃO APROVADOS.

Obrigado a todos pela compreensão.